Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog Música Para Alma Vibrar!

Blog Música Para Alma Vibrar!

Ser ou não ser?

  

Bom dia sapinhos!

O post de hoje é sensível e não tem nenhuma intenção de ofender ou ridicularizar seja quem for.

O seu intuito é de falar e tentar compreender através de outras opiniões e experiências pessoais o género não binário e o género fluido.

O termo não binário refere-se a pessoas que não se identificam com um género especifico, ou seja, masculino ou feminino e o género fluido as pessoas caracterizam por terem diferentes identidades de género

 em diferentes momentos.

Confusos? Não são os únicos!

Eu entendo os transexuais, são as pessoas que desde tenra idade sentem que nasceram no corpo errado, sofrendo muito com isso ao longo da sua vida.

Vi ao longo dos anos vários documentários médicos e de histórias pessoais, não tenho dúvidas e compreendo perfeitamente.

Compreendo os homossexuais, os bissexuais cada um é livre de amar quem quiser desde que seja de comum acordo!

Podem perguntar mas quem sou eu para tentar entender ou querer entender?

A compreensão faz parte da aceitação e aplica-se a quase tudo na nossa vida diária evitando discriminações de qualquer tipo.

 

A única coisa que não entendo é as paradas gays!

Desculpem, mas os heterossexuais não fazem esse tipo de paradas para mim não faz sentido!

Há uns anos atrás vi uma mulher nova com um crachá no peito a dizer "Sou heterossexual!".

Não entendi o sentido daquela " publicidade" e continuo a não entender.

Voltando ao tema central, neste momento não consigo entender como uma pessoa não se identifica com os géneros binários.

Para mim faz passar a mensagem que a pessoa não tem identidade própria e não sabe quem é?

O género fluido ainda é mais difícil de entender, em determinados momentos pode-se sentir mulher e noutro homem.

O que considero grave é  que a maioria das redes sociais e marcas "promovem" uma mensagem que  parece que é moda!

Não sentem isso?

Deviam sim encontrar uma maneira simples para as pessoas entenderem este novos géneros e aceitarem-nos  mais naturalmente!

Sim eu sei, o mundo demora muito tempo a aceitar as diferenças!

Um rápido tema nada a ver com o anterior, expliquem-me por há pessoas a casar com árvores, por objectos, ou com elas próprias, divorciando-se passado um tempo?

Para os mais distraídos por enquanto é só no estrangeiro que é permitido!

Não há um limite?

Relembro novamente que o tema de hoje não foi falado para discriminar, se por algum motivo deixei algum de vocês desconfortável não foi essa a intenção!

Stay tune!

 

 

 

 

 

Play:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Banner billboard da campanha 50% desconto desenvolvimento pessoal

DJ Sofia

foto do autor

Blogs de Portugal

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Citação- Friedrich Nietzsche

"Sem música, a vida seria um erro."

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Lendo!